Noticias

Decifrando o choro do seu bebê

  • By Opus Cosméticos
  • 06 Dec, 2017

Este post é dedicado às mamães de primeira viagem sobre como o choro do seu bebê pode revelar como ele está se sentindo, pois, no início, é a principal forma de comunicação com o mundo ao seu redor, até que a fala ocupe este espaço na sua rotina. Entender isso irá promover um estreitamento e compreensão ainda maiores com seu pequeno. Vamos também desconstruir alguns pontos e mostrar possibilidades que podem ajudar a solucionar alguns picos de choro. Porém, antes de mais nada, sempre consulte seu pediatra  ou ginecologista.

Nem sempre é possível saber o porquê dele estar chorando

Antes de mais nada, o ato de chorar faz parte do comportamento de um recém-nascido, como dormir e comer. É um hábito natural neste período. Por isso, não encane com a frequência e entenda que é um processo comum.

Em muitos momentos, você não vai poder parar

Não é sempre que vai ser possível acalmar seu bebê. Lembre-se: o choro é algo natural nesta fase. Alguns são impossíveis de parar; não se sinta culpada por isso e não se estresse. Seu bebê estará ok, e isso não fará de você uma mãe pior. Nesses momentos, tranquilize-se e tente fazer o possível; em algum momento, vai dar certo, e você encontrará uma ligação para se comunicar com seu bebê. Não existe uma fórmula mágica para isso, é uma conexão que você cria com ele em função do dia a dia.


Seu bebê está com fome?

Agora que sabemos que é um processo natural, alguns tipos de choro podem te alertar quanto ao que seu bebê quer lhe dizer. A fome é algo instintivo, e, uma vez que ele a sinta, vai tratar de te mostrar isso.

Como é um choro de fome? Bastante desesperado, duro, geralmente agudo.

Fique sempre atenta aos horários de amamentação ou da mamadeira. Se já tiver mais de uma hora a três horas que ele fez a última refeição, este choro pode ser bem intenso.

Quando estiver na dúvida, o primeiro alerta pode ser a fome, então o primeiro passo é alimentá-lo. Se ele estiver “cheio” e não quiser, respeite sua vontade. A causa do choro pode estar em outro lugar, e não necessariamente devido ao apetite. Dar mais comida que o normal pode acabar tendo o efeito contrário, deixando-o insatisfeito ou desconfortável, o que pode gerar... mais choro!

Um outro ponto é: se ele estiver amuado, o papai pode segurá-lo e brincar com ele. A razão disso está no fato de o bebê poder sentir o cheiro do seu leite, levando-o a ficar chateado.

E ele está cansado?

Como é um choro de cansaço? Ofegante, desamparado. Este choro é intermitente, por isso, mais fácil de ser resolvido.

Mais pistas que podem ser notadas é quando os olhos do bebê estão fechados, porém ele continua muito inquieto, ou quando seus olhos estão abertos, com vermelhidão ou inchaço na parte inferior.

Para solucionar, garanta que seu bebê durma bem durante a noite e deixe-o bem coberto. Desta forma, ele se sentirá mais protegido.

Bebês também podem se sentir entediados ou hiperestimulados

Lembre-se de que existe uma personalidade se formando ali, e a chave para compreendê-la é sempre estar atenta aos sinais.

Como é um choro de tédio ou hiperestímulo? Normalmente, ele não é tão alto quanto os citados anteriormente. Tédio costuma levar facilmente a risadas; e hiperestímulo, a gritos.

Esse tipo choro também é perceptível quando seu filho vira a cabeça para se afastar de você ou outra forma de distanciamento.

Uma solução é respeitar o espaço dele por alguns segundos ou minutos. Nas primeiras semanas de vida, você não pode mimá-lo ou dar-lhe atenção excessiva - embora seja difícil, sabemos bem, mas isso não implica não responder imediatamente a todos os sons que ele emite. Durante essa pausa, ele pode procurar outras formas de se entreter, como objetos que estão no seu berço ou algum brinquedo permitido para esta fase. Lembre-se de que você não está sendo cruel, mas está criando um ambiente que permite que ele desenvolva sozinho suas vontades e desejos.

Outra coisa possível é acalmá-lo ou entretê-lo com um barulho contínuo, como aspirador, ventilador ou algum brinquedo que emita sons.


Ele está desconfortável ou irritado?

Como é um choro de desconforto ou irritação? Forçado e meloso, tem um padrão de repetições curtas, como “uh-UH, uh-UH”. Ele pode também bater no rosto ou arranhar a própria pele.  

Uma saída é procurar o que está gerando esse comportamento. Busque padrões (às vezes, o essencial pode estar neles). Isso vai ajudar você a entender o que está incomodando o seu bebê.


Será que é dor?

Esse é o que gera maior preocupação às mamães, mas tome cuidado para não ser um alarme falso. Pense nos outros sinais no momento da sua análise.

Como é um choro de dor? Cortante, cadenciado ou grunhidos. Ele pode também arquear as costas. Se for de gases, o bebê traz o joelho em direção ao peito.

Solução rápida: dê-lhe uma chupeta, pois, em muitos casos, ela oferece alívio e tranquilidade ao bebê, inclusive em casos de gases (o que é bem comum). A mamadeira também pode ajudar a amenizar o momento de dor. Em situações nas quais ela é inevitável, como vacinas, dê a chupeta ou o amamente durante o procedimento. Isso o distrairá do ato e da dor.

Ainda preocupada se esse choro pode significar algo mais sério? Siga seus instintos. Você é a maior conhecedora do seu próprio bebê.

E quando forem cólicas?

Cólica é algo tão comum aos recém-nascidos como o próprio choro. Inclusive, pode ser responsável por crises que chegam a durar mais de três horas. É muito difícil lidar com as dores do seu filho somadas ao choro. No entanto, note que não existe uma causa para as cólicas, e gases não são necessariamente seus sintomas. Em um organismo que está em formação, a incidência é bem comum.

Algumas formas de amenizar as dores podem ser:

  • Cubra-o: a sensação de conforto e proteção é algo que mexe com sua percepção. Coloque-o em seus braços, próximo ao peito, mantendo-o coberto;
  • Ponha-o de lado: segure o bebê nessa posição ou de barriga para baixo;
  • Fique em silêncio: a ausência de barulho pode fazê-lo lembrar de quando estava no seu útero, e isso pode acalmá-lo;
  • Não deixe de niná-lo: balance-o em seus braço. O contato mais carinhoso faz com que ele a veja como algo pode acalmá-lo;
  • Sucção: uma vez que seu bebê já esteja mais calmo, ofereça a ele seu dedo, peito ou uma chupeta, o que pode gerar uma sensação de calma.

E a sua dor?

Quando seu bebê está chorando, é claro que isso tem um efeito variado dentro de você: pode gerar angústia, nervoso, desconforto ou fazer perder a paciência. É muito difícil lidar com isso, porém não deixe que afete sua relação com seu bebê. Quando ele tiver uma crise de choro, por exemplo, e for muito difícil lidar com isso, permita-se se afastar um pouco. Você não vai ser menos mãe por causa disso. Saia um pouco, faça exercícios de respiração e depois volte. Peça ajuda a outras pessoas que estiverem por perto, inclusive o pai da criança. Ele também pode participar desse processo. Não carregue tudo isso sozinha. Mas o principal é: não desconte no pequeno, ok? :)


By Opus Cosméticos 15 Jan, 2018

Muitas mães já começam a se comunicar com seu bebê desde o ventre. Existem inúmeras vantagens em iniciar este estreitamento materno já no período da gravidez. Fazer com que ele se acostume à sua voz, iniciar aprendizado de linguagens,  fazer com que ele se sinta amado são algumas das vantagens deste contato.

Venha ver alguns benefícios que surgirão com este contato tão importante entre mãe e filho que se inicia na gestação.

Ele pode identificar sua voz

Não se engane pensando que ele não ouve nada: a partir da 26ª semana de gravidez, o sistema auditivo do feto já está pronto, o que significa que, sim, ele pode ouvir e responder a estímulos vindos de fora. E, depois do nascimento, a voz da mãe é uma das poucas semelhanças com o ambiente uterino, e isso ajuda na adaptação com o mundo exterior.

Muitos estudos comprovaram que ele pode reconhecer vozes familiares, e mais próxima que a da mãe não há. Uma voz que ele já conheça e lhe passe segurança, deixa o bebê mais tranquilo e também mais atento. Criar um ambiente de segurança, fará com que ele aprenda melhor, se relacione de forma saudável e também se torne mais aberto.

Você reforça seu vínculo com o bebê

Começar isso desde o período da gestação trará grandes benefícios, mas o principal deles é criar um vínculo forte e sólido com seu filho. Sua voz será um código que o fará ficar mais tranquilo e relaxado e passará a autoconfiança necessária para que ele se desenvolva bem. Não só a sua, mas do pai também, ele pode reforçar este estreitamento e reconhecimento da relação pai-filho também já tornando sua voz familiar desde a gravidez.

Conversar com ele é o primeiro contato com a linguagem

Fazer com que ele reconheça sons configura iniciá-lo dentro do universo da linguagem e comunicação. Isso ajuda no seu desenvolvimento cognitivo, pois se inicia aí a familiaridade com sons (e até vogais) que farão com ele que possa se comunicar melhor e ajuda a você compreender mais os desejos do seu bebê.

Leia também:  Decifrando o choro do seu bebê

Como fazer para falar com ele?

O ideal é se aproximar da barriga e falar pausadamente, mas passando sempre tranquilidade. O bebê pode absorver tudo a seu redor, inclusive situações de estresse. Portanto, estar calmo influencia também na hora de se travar o diálogo. Não só conversar, mas você pode cantar também. Separe sempre uns minutos do seu dia para demonstrar carinho ao seu filho.

E se você não souber o que falar?

Mas não se preocupe: existem muitas formas de dialogar com seu rebento e demonstrar já neste momento todo seu carinho e amor por ele. Você pode fazer carinho na barriga, por exemplo, ou cantar. Ler para ele é uma maneira de praticar esta interação. Compartilhe alegrias e coisas boas com seu bebê, se você está feliz, essa energia também será passada para ele.


LEIA MAIS:

Gravidez sustentável: você já ouviu falar dela? =

Conheça os benefícios da amamentação

Que delícia de massagem!


By Opus Cosméticos 20 Dec, 2017

Comer, comer... para o cabelo crescer

Se você achava que sua dieta em nada influenciava nos seus cabelos, preste atenção no que vamos falar aqui, pois os cuidados com eles começam na mesa, a partir do que você come. Uma boa alimentação é essencial para a sua saúde e também como complemento para que seu cabelo cresça forte e se mantenha sadio.

Vamos apresentar alguns alimentos que, presentes no seu dia a dia, vão ajudar seus cabelos a ficarem brilhosos e fortalecidos.

Muita água, por favor!

Lembra daquela história de beber no mínimo dois litros de água por dia? Então, aproximadamente 60% do corpo humano é composto por ela. São inúmeros os benefícios disso: controlar pressão sanguínea, ajuda no funcionamento do intestino, aumento na resistência física, dentre outros. No cabelo, ela é um fator importante para mantê-los brilhosos e hidratados. Beber muita água aliando-a à rotina de hidratação vai fazer MUITA diferença no resultado final das suas madeixas.

By Opus Cosméticos 20 Dec, 2017

Vem chegando o verão… Uma das estações mais amadas por todos, pelas cores, sol, céu azul o tempo todo, e, claro, aquele momento para relaxar e pegar uma praia ou piscina. Os cuidados com seu cabelo têm que ser redobrados. Afinal, todos estes fatores acabam provocando mudanças nos seus fios, como ressecamento e alteração de cor.

Por isso mesmo, a gente veio com dicas essenciais para você se proteger desses danos e se manter no período mais ensolarado do ano linda e maravilhosa.

Hidrate constantemente

Isso em qualquer situação - para todos os tipos de cabelo -, porém o contato do cabelo tingido que, com este processo fica mais poroso, com o cloro e o sol exacerba a perda de água e nutrientes. Para evitar isso, carregue sempre produtos que vão fazer a reposição desses elementos. Se sentir que ele está mais ressecado que o normal, busque produtos que, além de hidratar, também ajudam na nutrição.

Se for adepta do cronograma capilar, dê uma atenção especial e o siga com bastante cuidado. Isso vai ajudar o seu cabelo a ficar mais saudáveis diante dos danos externos.

By Opus Cosméticos 20 Dec, 2017

Ano novo, vida nova. A cada ano que começa a gente pensa em metas e mudanças para poder vivenciar da melhor forma um novo ciclo que se inicia. A gente faz listas, dá pulinhos na praia, tudo pensando em trazer energias positivas. E o seu cabelo? Ele não merece resoluções também? A gente trouxe algumas sugestões para vocês já colocarem em prática na sua vida! :)

Apare as pontas pelo menos uma vez no ano

Às meninas que adoram madeixas enormes, só de ler isso deve dar um tremor de medo! Mas de que adianta ter aquele cabelo lindo e cheio de pontas duplas? Elas embaraçam mais suas madeixas que o normal, lhe dão um aspecto mais seco e, ainda por cima, facilita a quebra dos fios. Isto acaba atrapalhado seu crescimento. O recomendado é apará-las a cada 3 meses. Se não quiser fazer com esta frequência, você pode fazer duas vezes por ano, e investir em tratamentos que reponham nutrientes.

By Opus Cosméticos 20 Dec, 2017

Toda estação vem acompanhada de uma tendência diferente. Para você que gosta de ficar antenada sobre o que está sendo mais usado ou que quer se antecipar e já apostar em um novo look para começar 2018 com tudo, venha dar uma olhada nesta seleção de novidades que trouxemos para te ajudar a pensar em como começar a praticar mudanças desde já!

Blunt Cut

O Blunt Cut não é tão desconhecido assim. Na verdade, ele é o que podemos chamar de “corte reto”. Esse formato funciona com todos os tipos de cabelos: curtos, longos e cacheados também! É uma das tendências mais fortes para a próxima estação. Tem sido bastante usado pelas celebridades e nas passarelas. Chegar às ruas é questão de (pouco) tempo! Na hora de ir ao cabeleireiro, que tal pensar nessa opção também?

By Opus Cosméticos 06 Dec, 2017

A gente cresceu ouvindo falar de muitos deles. Alguns soam até como crendices populares e outros parecem ter algum fundo de verdade, daqueles que pensamos “vai quê, né?”. No entanto, você já pensou se, na prática, eles dão certo mesmo? Hoje, vamos desconstruir alguns deles e provar que, quando se trata de cabelo, muitas vezes um bom produto e empenho são a verdadeira fórmula para ele ficar do jeito que quiser.  

Cortar as pontas faz crescer o cabelo?

MITO!

By Opus Cosméticos 06 Dec, 2017

Este post é dedicado às mamães de primeira viagem sobre como o choro do seu bebê pode revelar como ele está se sentindo, pois, no início, é a principal forma de comunicação com o mundo ao seu redor, até que a fala ocupe este espaço na sua rotina. Entender isso irá promover um estreitamento e compreensão ainda maiores com seu pequeno. Vamos também desconstruir alguns pontos e mostrar possibilidades que podem ajudar a solucionar alguns picos de choro. Porém, antes de mais nada, sempre consulte seu pediatra  ou ginecologista.

By Opus Cosméticos 29 Nov, 2017

A consciência com a preservação do meio ambiente pode vir de cedo! Praticar a “gravidez sustentável” é uma forma de garantir que seu bebê já nasça com estes valores. Além de ter uma gestação mais saudável, a natureza agradece! :)

Vamos mostrar alguns pontos importantes sobre como seguir uma “gravidez sustentável”.

By Opus Cosméticos 22 Nov, 2017

Existem tendências que nunca saem de moda: sai estação, entra estação, e elas continuam lá, toda vez. São aquelas que dizemos que vieram para ficar. O messy hair é um excelente exemplo disso e é o tema que iremos explorar hoje neste texto.

Desde Jennifer Aniston em “Friends”, lá no início dos anos 2000 até Taylor Swift, nos dias atuais, ele está lá, impecavelmente desordenado. Quer aprender? Então, venha com a gente saber tudo sobre essa tendência de cabelo que, com criatividade, vai mudar a forma como você enxerga seus cabelos e fazer você pensar que existe muita perfeição no meio de uma bagunça bem pensada. Tanto faz se o cabelo está solto, preso (dá sim, confia!), longo, curto, para o dia ou noite: em qualquer ocasião se pode apostar no penteado.

By Opus Cosméticos 16 Nov, 2017

Sabe aquele detalhe que quando a gente sabe muda nossas vidas? Então, porosidade capilar é basicamente isso.Como assim? Talvez este termo não lhe seja muito familiar; porém, depois de conhecer o que ele significa e como tratá-lo da forma correta, você vai passar a enxergar seu cabelo de outra forma, acredite! Um adianto: o ressecamento do seu cabelo pode estar diretamente ligado a isso também, mesmo que esteja fazendo suas etapas de hidratação corretamente  . Quer saber como e por quê? Leia neste post que vamos te falar tudo detalhadinho. 

Conte pra gente nos comentários aí embaixo se deu certo com nossas dicas sobre porosidade e como é o seu cabelo!

O que é porosidade capilar?

Porosidade capilar está intimamente conectada ao ressecamento do seu cabelo e, a partir do seu diagnóstico, você pode descobrir a forma ideal de tratá-lo. Ela mostra a capacidade do seu fio de absorver água e nutrientes. Nossos fios são formados por diversas cutículas que compõem a sua parte externa, e que ficam visíveis à gente. Sua função principal é proteger nosso cabelo como se fosse um escudo. Quando estão saudáveis e alinhadas, elas conferem mais maciez e brilho às nossas madeixas. Por outro lado, se estão muito abertas e desalinhadas, os fios tendem a ficar mais ressecados e ásperos.

Como ilustrado na foto:


More Posts
Share by: